Diante Das Adversidades Atuais, “Jovens Que Vencem” Clamam Por Mudança.

24/07/2020

Foto tirada antes do período da pandemia.

O Proclama é um grupo de intercessão criado pelo ministério Jovens Que Vencem (JQV) da Igreja Internacional da Graça de Deus (IIGD) e tem como objetivo abençoar a vida daqueles que ainda não conhecem a Cristo por meio da oração. A equipe é formada por voluntários motivados a clamar também pelas atividades realizadas pelo JQV. Todos seguem as escalas e os propósitos indicado pelo líder nacional da juventude, Pastor Márcio Alves.

Foto tirada antes do período da pandemia. Foto tirada antes do período da pandemia.

 Criação

Há 9 anos, um grupo de 24 jovens foi selecionado para ajudar aqueles que precisavam de apoio espiritual e apresentar a Deus os projetos de evangelismo, reuniões e vigílias da mocidade. No ano de 2015, Juliana Gonçalves, integrante do JQV de São Paulo, assumiu a responsabilidade pelas atividades que receberam o nome de “Proclama”.

“O nome foi escolhido baseado no capítulo 61 de Isaías. Nosso propósito é influenciar essa geração a praticar a oração como um meio de adoração e comunhão com o Pai, e não apenas por necessidade”, explica Juliana.

Hoje, o Proclama está presente nos estados de São Paulo, Rio Grande do Norte, Ceará, Rio de Janeiro, Bahia e Paraná.

Foto tirada antes do período da pandemia.  Foto tirada antes do período da pandemia.

Quem são os intercessores?

Interceder é intervir e suplicar a favor de alguém. E aqueles que sentem o chamado de Deus para clamar em oração pelo próximo podem participar do “Proclama”.

Os interessados geralmente são jovens que desejam um relacionamento mais profundo com Deus e sentem a necessidade de fazer algo para mudar a situação adversa de alguém, mesmo que seja um desconhecido. “Eles querem ser guiados pelo Espírito Santo”, acrescenta a líder.

Testemunhos

Os jovens recebem pedidos de oração pelo Instagram e durante os cultos realizados na sede IIGD em São Paulo, todos os sábados, às 20h. Desde que iniciaram essa jornada, são muitos os motivos para a alegria dos participantes.

“Certa vez, estávamos intercedendo por crianças de um abrigo infantil. Eles passavam anos aguardando a adoção, seja por burocracia ou desistência dos interessados. Mas, após o mover de Deus, a maioria conseguiu um novo lar”, celebra Juliana.

Plantando sementes

Durante o período da quarentena, o grupo iniciou o propósito Mãos Erguidas a fim de interceder por todos os líderes e pastores da juventude. “Oramos para que os jovens entendam sua identidade de filhos de Deus e se levantem como intercessores. Queremos ver o ‘Proclama JQV’ em todo o país”, almeja Juliana.

 Foto tirada antes do período da pandemia.Foto tirada antes do período da pandemia.

Por Anderson Nascimento.

Disponível em: http://ongrace.com/portal/?page_id=8 Acesso em: 24/07/2020

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *